Secretário

Marcus Monteiro


Biografia

Marcus Antonio Monteiro Nogueira nasceu em Nova Iguaçu em 26 de setembro de 1961. Historiador, colecionador e curador de arte e membro do Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro – IHGB, e do Instituto Histórico e Geográfico do Rio de Janeiro – IHGRJ.

Como administrador público ocupou os cargos de secretário municipal de Cultura de Nilópolis e de Presidente do Conselho Municipal de Cultura da mesma cidade, de 1999 a 2000. No Governo do Estado foi superintendente estadual de Cultura, de 2001 a 2002 e diretor geral do Instituto Estadual do Patrimônio Cultural – INEPAC, de janeiro de 2003 e maio de 2009, e presidente do Conselho Estadual de Tombamento –CET, de 2005 a maio de 2009. Cargos que reassumiu em março de 2017 e ocupou até 31 de dezembro de 2018.

Desde 16 de janeiro de 2019 exerce o cargo de secretário municipal de Cultura de Nova Iguaçu.


Atribuições

I – Planejamento, organização, promoção, produção, articulação, coordenação, integração, execução e avaliação das políticas municipais relativas às áreas da cultura;
II – Fomento e estímulo a cultura em todas as suas manifestações, com o acesso aos bens culturais e a expansão do potencial criativo dos cidadãos;
III – Promoção do desenvolvimento da cultura, visando a afirmação de identidade e cidadania e a consequente melhoria da qualidade de vida;
IV – Preservação da herança cultural de Nova Iguaçu, por meio da pesquisa, proteção e restauração do seu patrimônio histórico, artístico, arquitetônico e paisagístico, do resgate permanente do acervo da memória da cidade: patrimônio material e imaterial;
V – Estímulo e apoio à criatividade e a todas as formas de livre expressão, voltadas para a dinamização da vida cultural de Nova Iguaçu;
VI – Promoção e difusão dos aspectos culturais, bem como a sua expansão e intercâmbio com outras áreas do conhecimento;
VII – a administração dos equipamentos e espaços culturais da Cidade;
VIII – Promoção do intercâmbio cultural, através de convênios com entidades públicas e privadas, nacionais e internacionais;
IX – a permanente interação com os municípios da região visando à promoção de políticas de desenvolvimento regional na área da cultura;
X- Estimular o debate sobre o fazer artístico-cultural em suas diversas vertentes, através da realização de palestras, mesas redondas, seminários e outros;
XI – Apoiar os grupos culturais locais através da cessão de espaço para ensaios, apresentações, reuniões e encontros;
XII- Promover a democratização do acesso aos bens culturais;
XIII – Estimular a formação, nas áreas relacionadas à cultura, de artistas e não artistas, através de cursos;
XIV – Contribuir para a ampliação da participação popular no desenvolvimento da gestão pública da cultura na cidade;
XV – Administrar os fundos e recursos específicos de sua Secretaria, e do Fundo Municipal de Cultura;
XVI – Dar suporte para o funcionamento de Conselho cuja área de atuação está vinculada à Secretaria;
XVII- Outras competências correlatas que forem atribuídas à Secretaria mediante Decreto;
XVIII – Manter a interlocução com os governos federal e estadual respeitando os marcos leais que orientam a formulação, execução e o desenvolvimento das políticas públicas municipais.


Contato

Casa de Cultura (equipamento cultural)
Endereço: Rua Getúlio Vargas, nº 51, Centro.
Telefone: 3779-0856 / 3779-1180
E-mail: semc.novaiguacu@gmail.com
Horário de funcionamento da recepção: das 9h às 17h. Casa aberta também em horários de espetáculo e outras atividades.

 

Gabinete
Endereço: Rua Iracema Soares Pereira Junqueira, 65 – Centro.
Telefone: 2666-0172
E-mail: semc.novaiguacu@gmail.com
Horário de funcionamento: das 9h às 17h