HGNI recebe 208 doações de sangue durante a Semana do Doador Voluntário de Sangue

A campanha de doação de sangue promovida pelo Hospital Geral de Nova Iguaçu (HGNI), entre os dias 22 e 26 de novembro, contou com a participação de 208 voluntários aptos, que distribuíram vida através deste gesto de solidariedade. Por dia, foram coletadas mais de 40 bolsas de sangue, atingindo a meta do banco de sangue para atender a demanda. Estes números ajudam, neste momento, a manter o estoque de sangue abastecido.

De acordo com o balanço feito pelo Banco de Sangue do HGNI, de 1° a 26 de novembro, foram coletadas 549 bolsas de sangue, sendo que quase 40% destas doações aconteceram na Semana do Doador Voluntário de Sangue, que mobilizou familiares, parentes, estudantes e até mesmo funcionários. Para atender a demanda são necessários 600 doadores por mês. Por receber pacientes de toda a Baixada Fluminense, é necessário que a unidade continue recebendo as doações regularmente nas próximas semanas.

“Gostaria de agradecer a população que se mobilizou e procurou o HGNI para doar sangue nessa semana. Esse esforço certamente fará a diferença para aquele paciente que chega à nossa emergência vítima de trauma ou que está internado para uma cirurgia mais complexa e precisa da transfusão. O sangue pode salvar vidas em questão de minutos”, ressalta o diretor-geral do HGNI, Joé Sestello.

Motorista de aplicativo e estudante de enfermagem, Giovane Ricardo, de 29 anos, doou sangue pela primeira vez na vida nesta sexta-feira no HGNI após se organizar com amigos de faculdade.

“Doar sangue é muito importante para ajudar as pessoas que precisam. É um ato de cidadania tão simples, mas que faz a diferença para salvar a vida de outras pessoas”, conta ele.

Já a técnica em enfermagem, Verônica Santos, de 36 anos, que estuda para ser enfermeira, conta que há quatro anos doou sangue pela primeira vez e desde então aguardava uma oportunidade para voltar a doar.

“É um ato de amor e respeito pelo próximo. Eu fico muito feliz em poder ajudar. Sei que uma bolsa de sangue pode ajudar quatro pessoas e espero que essas pessoas que sejam muito felizes”, ressalta.

Quem quiser doar sangue a partir da próxima segunda-feira (29), poderá comparecer à unidade, das 7h30 às 12h30. Para doar é necessário ter entre 18 e 69 anos, sendo que os maiores de 60 já devem ter doado em algum momento. É necessário ter mais de 50 quilos e estar bem de saúde. Vacinados contra a Covid-19 precisam esperar sete dias para fazer a doação. Os que contraíram a doença devem aguardar 30 dias após recuperação completa do quadro. Quem tem tatuagem só poderá doar após 12 meses. Não é preciso estar em jejum, porém, é contra indicada a doação de pessoas que ingeriram comida gordurosa nas últimas quatro horas ou bebidas alcoólicas no dia anterior. Os menores de idade também podem doar. Para isso, os responsáveis precisam preencher um termo de autorização disponibilizado pelo site do Hemorio (http://www.hemorio.rj.gov.br/html/pdf/menor_idade.pdf)