Nova Iguaçu continua a entrega das cestas básicas e kits de limpeza nesta quinta-feira (7)

A Prefeitura de Nova Iguaçu voltou a entregar, nesta quinta-feira (7), as cestas básicas e kits de limpeza às vítimas do temporal que atingiu a cidade na semana passada. Os donativos foram distribuídos pelas equipes da Secretaria Municipal de Assistência Social (SEMAS) e a retirada foi feita conforme local de cadastro.

Quase todas as famílias cadastradas já receberam o benefício pela Prefeitura. Nesta sexta-feira (8), a distribuição das cestas básicas e kits de limpeza continua para os que fizeram o cadastro na quinta (7) e famílias que ainda não conseguiram retirar os donativos.

Durante toda a tarde e noite, agentes da Secretaria Municipal de Segurança Pública (SEMSEG) acompanharam e deram suporte na distribuição dos donativos. As cestas básicas contém 16 itens. Entre eles, 2kg de feijão, 5kg de arroz, 3kg de açúcar, óleo, sal, farinha, macarrão, molho de tomate, carne seca, café, biscoito, leite e achocolatado. Já os kits de limpeza são compostos por vassoura, rodo, água sanitária, panos de chão, sabão em pó, detergente, e cinco sacos de lixo de 100 litros.

O eletricista Jaques Ferreira de Almeida, de 35 anos, retirou seu benefício nesta quinta-feira. Morador do bairro Santa Eugênia desde que nasceu, ele revela que perdeu diversos itens no temporal, inclusive alimentos. Ele agradeceu pela cesta básica e garantiu que será de extrema ajuda para o restante do mês.

“A cesta básica vai suprir bastante a minha necessidade este mês. Moro sozinho, deve durar um mês, um mês e meio. Essa é uma ajuda muito importante” conta ele.

Pedido de liberação do FGTS

Na quarta-feira (6), a Secretaria Municipal de Defesa Civil enviou ao Ministério do Desenvolvimento Regional um relatório detalhado sobre os estragos causados pelo temporal, para que seja reconhecida a Situação de Emergência decretada no último sábado (2). O processo é necessário para que a Caixa Econômica Federal (CEF) conceda à população afetada pela chuva a liberação do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Agora, o município aguarda o reconhecimento do Governo Federal para que a solicitação seja encaminhada à Caixa.

Apesar do tamanho da cidade e do grande número de áreas afetadas e famílias atingidas, a Defesa Civil cumpriu todas as exigências graças a um levantamento minucioso de todos os danos causados pela chuva. Desde a tempestade, foram registradas 626 ocorrências. Pelo menos 5.600 pessoas ficaram desalojadas e 40 chegaram a ficar desabrigadas e foram levadas para pontos de apoio disponibilizados pela Secretaria Municipal de Assistência Social (SEMAS). De acordo com o último balanço, 193 seguem fora de suas casas, sendo que apenas seis ainda estão desabrigadas e seguem em um ponto de apoio disponibilizado pela SEMAS.

Agentes seguem trabalhando na cidade

A Prefeitura de Nova Iguaçu mantém suas equipes trabalhando para limpar a cidade após os estragos causados pela tempestade. Desde então, funcionários da Emlurb (Empresa Municipal de Limpeza Urbana) já retiraram cerca de 2 mil toneladas de resíduos causados pela chuva, como, por exemplo, lama e móveis destruídos. Nesta quarta-feira (6), equipes da Emlurb voltaram a percorrer diversos bairros, entre eles Comendador Soares, Moquetá, Santa Eugênia, Bandeirantes e Jardim da Viga.

Outros órgãos da Prefeitura, como as secretarias municipais de Infraestrutura e de Serviços Públicos e a Codeni (Companhia de Desenvolvimento de Nova Iguaçu), têm atuado na desobstrução de rios, retirada de entulhos, reposição de tampas de bueiros, checagem de pontos de iluminação, limpeza de valão, substituição de manilhas e drenagem da água nos locais que ainda apresentam pontos de alagamento.